Blog

Síndrome da Trombose do Viajante: como evitar

Síndrome da Trombose do Viajante: como evitar

Preparou aquela viagem tão esperada de férias que vai durar horas?

Fique atento aos riscos da “síndrome da trombose do viajante”.
Ela pode ocorrer com quem passa muitas horas sentado viajando, seja dentro do carro, do ônibus, avião ou trem.

Essa trombose acontece principalmente nas pernas, que nas viagens, ficam muito tempo paradas para baixo e sem movimentação.

Isso faz com que se formem coágulos no sangue, fazendo com que o sangue fique mais grosso, podendo causar entupimento de veias e artérias chegando até a causar embolia, já que pode bloquear a circulação no pulmão.

O que pode causar a trombose, além de ficar muito tempo com as pernas paradas, é uso de hormônios, fator hereditário, cigarro e gravidez.

Alguns sintomas da trombose são: dores na perna, perna inchada, perna meio azulada, sensação de peso nas pernas, perna quente.

No caso das viagens longas, é recomendado para evitar a trombose: mexer os pés enquanto estiver sentado, andar a cada duas horas, tomar muita água e se possível, usar uma meia elástica específica para sinais de trombose.

Agendamento

Newsletter

Receba dicas de saúde e ainda fique por dentro das novidades drnamedida!

(c) 2021 • Todos os direitos reservados