Como surge a depressão pós-parto?

Dentre os sintomas mais comuns da depressão pós-parto, estão tristeza profunda, falta de energia, ansiedade, episódios de choro, irritabilidade e alterações no sono ou padrões alimentares. A doença atinge cerca de 1 em cada 9 mulheres em todo o mundo e pode trazer danos como menores taxas de amamentação e falta de conexão com o bebê.

Uma pesquisada realizada pelo Dr. Jie Zhou (um dos autores do estudo e professor assistente de anestesia no Brigham and Women's Hospital e da Escola de Medicina de Harvard) constatou que a depressão pós-parto estava significativamente associada com mulheres que possuem mais dor pós-parto, demonstrando mais queixas relacionadas à dor durante a recuperação e onde muitas vezes precisavam de medicação adicional para a dor. A pesquisa também associou que as mais que mais se queixavam de dores pós-parto foram mais propensas a ter feito cesariana. Outros fatores também apontados na pesquisa revelam que a depressão pós-parto também pode estar relacionada a mulheres que estão acima do peso ou obesas, que tinham um histórico de depressão, ansiedade ou dor crônica e outros fatores.



Gostou? Deixe um Comentário

Newsletter

Receba dicas de saúde e ainda fique por dentro das novidades drnamedida!

(c) 2018 • Todos os direitos reservados